Como ganhar dinheiro com venda de quentinhas

Quer saber como montar um negócio com venda de quentinhas? Veja nosso guia e comece hoje mesmo a planejar seu negócio de marmitas!

Como ganhar dinheiro com venda de quentinhas

Em tempos de crise, a venda de quentinhas ou marmitas (como são popularmente conhecidas) pode ser uma excelente opção, sobretudo para quem busca uma alternativa que não exige investimento alto.

De acordo com o IBGE, a taxa de desemprego no Brasil atingiu a marca de 11% em dezembro de 2019.

Em números, isso significa que cerca de 11,6 milhões de brasileiros estão sem emprego.

Com essa realidade, que pode inclusive aumentar após o coronavírus, a venda de marmitas aparece como uma alternativa de renda para várias pessoas.

Se você chegou aqui interessado em saber como ganhar dinheiro vendendo quentinha, tire uns minutinhos para ler este artigo.

Preparamos um Guia com as informações necessárias para você montar sua venda de quentinhas!

Como montar um negócio de venda de quentinhas?

Apesar de ser encarado como um exemplo de pequeno negócio lucrativo, vender quentinha requer todo um planejamento.

Não é apenas decidir cozinhar e divulgar para os mais próximos.

É preciso montar uma estrutura de negócio, que vai funcionar como as bases do empreendimento.

A primeira atitude é estabelecer seu modelo de negócio.

Como vai funcionar? A venda de quentinhas será somente delivery ou vai funcionar em um endereço físico?

Essas decisões são fundamentais, e devem ser tomadas antes de qualquer ação.

Em ambos os casos (delivery ou local físico), você precisará de uma estrutura para fazer a comida. Algumas pessoas utilizam a própria casa.

Pode ser que no caso de delivery, utilizar a cozinha de casa (desde que tenha os equipamentos necessários) poderá dar certo. O importante é que o espaço seja adequado para o trabalho.

O ideal é que a cozinha tenha um fogão industrial. Mas se não for possível, pode começar com um de seis bocas.

Os acessórios também são importantes, como panelas grandes e utensílios domésticos utilizados na preparação da comida.

Caso decida montar uma venda de quentinhas em espaço físico, o investimento é maior.

Será necessário gastar com aluguel, já que este tipo de negócio requer um local para atender as pessoas.

Neste caso, o mais indicado é formalizar o negócio, ou seja, abrir uma empresa.

Isso vai exigir a solicitação de alvarás e licenças, além de outras burocracias.

Segredos para ganhar dinheiro com a venda de quentinhas

Agora vamos aos segredos para iniciar esse negócio. Além das questões burocráticas, começar esse empreendimento requer algumas ações.

Elas são tão importantes quanto a formalização (caso seja imprescindível no começo).

Vamos lá ver quais as ações para iniciar na venda de comida?

venda de quentinhas

1. Defina o modelo de negócio

Como já dissemos, a venda de marmitas pode ser em um espaço físico, por delivery ou ambos.

É super aconselhado ter em mente já no início qual vai ser seu modelo de negócio.

Mesmo que comece apenas com delivery e depois amplie para a venda em espaço físico, tenha esse projeto bem definido.

Fazer isso é importante, pois você cria metas e sabe exatamente onde quer chegar com seu negócio.

Um empreendedor deve pensar assim e não fazer as coisas de qualquer jeito. Por isso, comece definindo o seu modelo de negócio.

2. Planeje a quantidade de quentinhas

No início é complicado saber quanto de comida fazer. Como saber a quantidade para começar?

É uma questão muito séria, pois não dá para fazer demais ou de menos.

A dica que damos é dedicar-se a cozinhar nos primeiros dias aqueles alimentos mais demorados e consumidos. Alguns exemplos: arroz, feijão e macarrão.

Deixe sempre porções sobrando, assim, à medida que as marmitas vão saindo, você vai repondo.

Tendo o “grosso” feito em maior quantidade (mas não deixe comida de muitos dias, jamais), deixe os preparos mais rápidos e caros para fazer na hora, à medida que os pedidos vão chegando.

Alguns exemplos desses alimentos, são: bifes, linguiça, frangos empanados, saladas, etc.

Esse planejamento é importante no início quando você não sabe quantos pedidos vai ter e a quantidade de comida necessária para atendê-los.

Em todo caso, sempre pense que é melhor sobra do que faltar. Mas sem exageros, afinal, sobras podem ser sinônimo de prejuízo.

Uma boa dica também é analisar a média de demanda de marmitas da região, assim como da concorrência. Uma pesquisa prévia, nestes casos, é fundamental.

3. Atenção à localização

Caso decida montar uma venda de quentinhas em uma loja, escolha uma localização de fácil acesso e de preferência com boa circulação de pessoas.

Se o modelo de negócio for apenas delivery, a localização não é tão importante.

Mas, é sempre bom que o centro de produção seja bem localizado para reduzir os custos e o tempo de entrega.

4. Cardápio simples e de qualidade

Um ponto que merece atenção ao iniciar um negócio de venda de marmitas é o cardápio.

Cuide para que tudo seja de muita qualidade. E atenção: prefira cardápios simples.

Claro, você deve levar em conta o público. Se ele é de pessoas que consomem comida gourmet, o pensamento é outro. Talvez seja o caso de investir em marmitas saudáveis.

Mas uma venda de quentinhas tradicional deve prezar pela extrema qualidade e simplicidade.

Inclusive, no início é recomendável utilizar apenas uma opção de cardápio por dia.

Isso já é suficiente para começar a ganhar a clientela. Depois você pode ir aumentando, se for o caso.

Se tudo for feito com capricho e um tempero irresistível, acredite: as pessoas vão adorar!

venda de marmitas

5. Preze pelo melhor atendimento

Quem é cliente sabe que não tem nada pior que ser mal atendido. Vai começar seu negócio de marmitas? Atenda bem o seu cliente!

No segmento de comida, bom atendimento e rapidez são os pontos chaves do sucesso.

Para garantir que isso seja uma realidade no seu negócio, oriente bem as pessoas que trabalham com você sobre a importância de tratar bem o cliente.

Além disso, tenha pelo menos dois telefones para atendimento dos pedidos. E não esquece de fazer atendimento via redes sociais e Whatsapp.

Hoje em dia, estar conectado é um grande diferencial, inclusive neste segmento.

6. Divulgue sua venda de quentinhas

Quer ganhar dinheiro com a venda de quentinhas? Faça as pessoas saberem do seu negócio!

Invista em panfletos, divulgação nas redes sociais e até na entrega de pequenos brindes, como imãs de geladeira.

Utilize também o marketing ativo. Se não sabe o que é, trata-se de ir até os consumidores para oferecer seu produto.

Quem consome seu produto deve estar sempre com sua marca na cabeça. Se o cliente comprar pela primeira vez, faça com que ele não esqueça do sabor e do ótimo atendimento.

7. Inove!

Em tempos de crise, é preciso se destacar. Para isso, busque sempre a inovação.

Geralmente, quem inicia um negócio como a venda de quentinha acaba adotando o mesmo modelo que outras empresas do ramo.

Evidentemente, muitas coisas se mantém e não devem ser alteradas. Mas, sempre há brechas que permitem inovação e é aí que você pode se destacar.

Como já dissemos, vá em busca do seu cliente! Crie uma conta no Instagram e faça sorteios e promoções. Faça seu negócio ficar conhecido!

Gostou das nossas dicas para montar uma venda de quentinhas? Agora, é hora de planejar o negócio, tomar as decisões importantes e arregaçar as mangas!

0Shares

Sobre o autor | Website

Servidora Pública com formação em Recursos Humanos e Redatora com mais de 6 anos de experiência. Adora escrever sobre diversos nichos, mas encara como missão ajudar as pessoas.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!